Matéria

The Town 2023: Primeira edição histórica entra para o calendário de São Paulo e termina com público de meio milhão de pessoas

Com ingressos totalmente esgotados, a primeira edição do The Town entrou para a história e para a agenda oficial de eventos dos paulistanos. Foram meio milhão de pessoas em cinco dias, 220 ativações, 125 shows, nove ambientes, seis palcos, um musical, 235 horas de experiência e uma semelhança inacreditável com a primeira edição do Rock in Rio, lá em 1985. Do momento de abertura dos portões da Cidade da Música, no dia 2 de setembro, até o último dia de festival (10 de setembro), o The Town entregou música, cultura, arte, emoção, felicidade e até um pouco de lama. Da iluminada performance de Ney Matogrosso no Palco Skyline cantando “América do Sul” acompanhado por um mar de pulseiras que brilhavam em harmonia e com as centenas de LEDs espalhados, ao tecladista do Bruno Mars levando o público a loucura com “Evidências” — um hino brasileiro —, passando pelos encontros do Palco The One, as performances históricas de artistas nacionais, as apresentações no Factory e na São Paulo Square, a inteligência artificial e a dance music do New Dance Order, os cenários totalmente instagramáveis da Rota 85 e a produção exclusiva “The Town – O Musical”. The Town foi emoção do início ao fim e contou com uma programação para todos os estilos e idades.

“A mesma sensação que eu tive lá no primeiro Rock in Rio, eu tive aqui. Um nervoso e um frio na barriga que não passa. A gente foi se acostumando com as outras edições, mas aqui em São Paulo eu voltei no tempo. Meu sentimento é de sonho realizado, muito feliz de poder colocar mais uma bandeira dentro da história do Rock in Rio, dentro da história de São Paulo. A gente já começou fazendo o maior festival de música e entretenimento que já houve na cidade. Mas, mais importante do que isso, é alegria das pessoas. Isso é o que me move. Vivemos dias incríveis na Cidade da Música e voltaremos com tudo em 2025. Deixo aqui o meu muito obrigado a São Paulo, que me recebeu, junto à minha equipe, de braços abertos. Foram dois fins de semana históricos, que ficarão marcados para sempre na minha memória e na memória de meio milhão de pessoas”, disse Roberto Medina, presidente e fundador da Rock World, empresa que organiza The Town e Rock in Rio.

Nas redes sociais o sucesso foi enorme: foram mais de 293 mil novos seguidores nas redes do festival, 2.2 milhões de conversas geradas mais de 261 milhões de impressões, além de 224 horas nos trending topics do X (antigo Twitter) e 74 tags nos trendings.

Durante os cinco dias de festival mais de 36 milhões de pessoas foram alcançadas pelas transmissões da TV Globo, Multishow e Globoplay. A liderança do Multishow entre o público de 25 a 49 anos com pay TV foi garantida, tornando os shows o conteúdo mais consumido no Globoplay durante os dias de festival.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.