Cobertura

The Struts oferece a Orlando um verdadeiro show de rock ‘n’ roll

A banda britânica The Struts invadiu o The Beacham, em Orlando, nessa semana com a turnê “Remember The Name”.

Mac Saturn, banda nativa de Detroit, foi responsável pela abertura da noite. Com muito estilo e rock ‘n’ roll eles cantaram músicas como “Mr. Cadillac”, “Diamond” e “Plain Clothes Gentlemen”.

Foto: Gabriele Montresol

“Song 2” de Blur anuncia a entrada da banda principal ao palco, logo de início ja se via que seria uma noite surpreendente a todos.

Com suas habilidades vocais que pareciam ser de outro mundo, o vocalista Luke Spiller é claramente um estudante de honra da escola do rock, cujo carisma como homem da frente é inegável. A banda abriu seu set com “Dirty Sexy Money”, “Body Talks” e um de seus mais recentes singles, “Fallin’ With Me”.

Jed Elliott (baixista), Gethin Davies (baterista) e Adam Slack (guitarrista) também dão jus à energia que o nome da banda carrega. Entre vários solos instrumentais, os britânicos enlouqueceram a galera em poucos minutos de apresentação.

O público presente era um espetáculo à parte, a energia que todos entregavam de volta para a banda era surreal, cantando e pulando em todas as músicas, eles fizeram parte da multidão mais alta que já presenciei na casa de show. Havia também vários fãs fiéis de longa data. Em conversa antes do show começar, uma moça me disse que aquele era seu 41° show da banda.

A banda apresentou “The Ol’ Switcheroo” pela primeira vez na turnê. Músicas como “Too Good at Raising Hell” e “Pretty Vicious” também estavam na setlist da noite. Eles apostaram em um cover do hit “Royals” da cantora Lorde, que foi mudado para o rock se tornando totalmente no estilo da banda.

Um momento mágico veio na metade do set, quando Spiller e Slack subiram ao palco como uma dupla, dando a seus colegas de banda a chance de recarregar. Em preparação para “Mary Go Round”, Luke pediu que as luzes se apagassem. Todas as luzes do prédio — luzes da casa, bem como luzes do palco — imediatamente escureceram. A intimidade da performance acústica foi amplificada por um teatro cheio de fãs usando seus telefones celulares para iluminar o palco.

Uma vez que a banda saiu do palco e foi ovacionado de aplausos e também de gritos pedindo mais, eles voltaram para seu bis e fecharam a noite espetacular com “Could Have Been Me”.

The Struts foram uns dos artistas mais surpreendente que eu vi esse ano. Quando você está no show festejando com a banda não existe lugar para mais nada, apenas para rock ‘n’ roll.

No nosso Instagram você pode conferir os vídeos desse espetáculo pelos destaques aqui, e fotos em galeria de The Struts e Mac Saturn abaixo.

THE STRUTS

MAC SATURN

Fotos: Gabriele Montresol

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.