Cobertura

A artista revelação Geovanna Fleur realiza seu primeiro show ao vivo em Curitiba

Por: Cecília Dallagnol

No último sábado (13), a cantora e compositora Geovanna Fleur realizou seus primeiros shows autorais no Sesc Paço da Liberdade em Curitiba, no especial “All The Memories: ao vivo” em comemoração aos três anos de lançamento de seu EP de estreia.

O show foi um conjunto das músicas autorais da cantora e alguns covers, o qual ela ressaltou que os artistas foram inspiração para ser a artista que é hoje. Desde as primeiras músicas Geovanna demonstrava a gratidão pela presença de todos, e assim para mostrar esse sentimento ela adicionou uma música que ainda não foi lançada na setlist do show, e com certeza o público curtiu muito pois seu último lançamento foi em dezembro, o que deixou um gostinho de saudade pra quem ama acompanhá-la.

Ao longo do show a cantora e a banda interagiu com o público e comentou sobre as histórias de algumas músicas. Em “The Day After” Geovanna comentou que por muito tempo não cantou a música ao vivo pois acabava se emocionando, já que sempre que cantava lembrava exatamente da memória que inspirou a letra da música, mas mesmo assim ela não queria deixá-la fora da setlist então fez um mashup com outra música que ela escutava bastante na época. No final do show a compositora usou o momento de “That’s Just What You Asked Me To Do” para agradecer e apresentar sua banda composta por Marco no teclado, Pedro na guitarra, Renato no baixo e Giovane na bateria.

Ao final do show, com muito carinho, Geovanna foi atender as pessoas e também era possível comprar algumas recordações como chaveiro, ecobag, bottoms e bloquinhos de anotações personalizados com a identidade da cantora.

Com isso, podemos afirmar que Geovanna está fazendo um caminho lindo através de suas músicas e que as pessoas que acompanham seu trabalho com certeza estão no aguardo para seus próximos lançamentos.

Fotos: Fernanda Martins e Giovanna Bertoni

Ouça geovanna fleur

Um comentário

  • Rogerio Montanha

    Essa cantora merece ser divulgada mais. Um talento diferenciado para esses tempos. A dúvida é se ele é Curitibana mesmo, com esse inglês muito natural. Parabéns pela matéria! Aguardemos os próximos shows.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.