Matéria

Desdobrando a Música: we’re not alike – Tate McRae

Oitava música no segundo álbum de estúdio de Tate McRae, we’re not alike fala sobre uma amiga que Tate tinha mas que a traía todo o tempo sem ela saber. O modo em que a composição lista as razões pelas quais elas não se parecem (are not alike) dá a entender que Tate está diretamente cantando para essa pessoa.

Tratando sobre a desilusão, ela afirma saber admitir quando está errada mas que, dessa vez, sabe que está certa. No teaser do álbum ela fala “e ela era minha melhor amiga!“, que provavelmente se refere à essa faixa.

I got a lack of good judgment
Judgin’ by the fact I got close to you
Time should heal, but it doesn’t
Or maybe ‘cause you still haven’t told the truth

Eu tenho uma falta de bom senso
Julgando pelo fato de ter me aproximado de você
O tempo deveria curar, mas não cura
Ou talvez seja porque você ainda não tenha contado a verdade

O termo “pull the wool over someone’s eyes” se refere a enganar uma pessoa. Wool significa lã em português, mas também já foi gíria para peruca na época em que nobres ingleses usavam aquelas brancas como as que vemos em alguns juízes da corte britânica. Daí vem a origem da expressão, puxando a “peruca” e tampando a visão. McRae expressa seu descontentamento por ter deixado se enganar por uma pessoa que acreditava ser confiável:

You know there’s nothin’ worse
Than missin’ the signs
‘Cause you pulled the wool right over your eyes
Você sabe que não há nada pior
Do que não notar os sinais
Porque você colocou uma venda nos seus olhos

Reforçando a traição, Tate repete falas da amiga e suas inverdades. Ela usa um trocadilho na composição na expressão she had my back que significa apoiar alguém, mas que em sua tradução literal, “back” significa “costas”. Tate segue falando que na verdade a amiga tinha uma faca, uma metáfora para dizer que ela foi apunhalada pelas costas:

Said she was a girl’s girl, that’s a lie
Said she had my back but she had the knife

Disse que valorizava a amizade feminina, isso é uma mentira
Disse que estava do meu lado, mas estava com uma faca

Toda sua decepção sobre essa amizade que não terminou bem é depositada na composição de we’re not alike deixando de forma clara para essa pessoa o porquê de não serem parecidas.

I could never do it once and she did it twice
And you wonder why
And you wonder why we’re not alike

Eu nunca faria isso uma vez, e ela fez duas vezes
E você se pergunta por quê
E você se pergunta por que não somos parecidas

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.